Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Coisinhas que me irritam

por Cá coisas minhas, em 26.06.17

Entrar no elevador para descer 4 pisos.

Parar logo no piso a seguir para entrar alguém, e esse mesmo alguém parar logo no piso imediatamente a seguir para sair.

[Mas porque raio para descer um piso, é preciso ir de elevador?????]

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Estou num impasse

por Cá coisas minhas, em 26.06.17

Inscrevo, ou não inscrevo?

Não sei que faça.

Em setembro vai decorrer uma meia maratona, lá para os lados onde vivo.

Quando soube da existência da mesma, pensei logo a inscrever-me. O percurso é nas estradas onde eu costumo correr. Consigo (em termos de proximidade geográfica com toda a certeza, em resistência física é que não sei) tentar fazer partes do percurso antes, para treinar. Mas na altura em que decidi, as inscrições ainda estavam fechadas.

O que fez com que pensasse mais nos prós e contras.

Agora as inscrições abriram e eu não sei o que faça.

Por um lado, penso: "Inscreve-te."

Por outro penso: "Deixa-te lá disso."

O máximo que corri até hoje foi cerca de 13 km. Foi na altura em que decidi que me inscrevia.

Mas depois, ao ler o regulamento da prova descobri que só é cronometrada durante 2h30, pelo que percebi claramente que à velocidade que eu estava a correr, não iria conseguir. Então, resolvi começar a correr mais depressa. Ao poucos, fui melhorando. Em consequência, deixei de fazer distâncias muito longas. Tenho corrido em média 8km em cada treino. Já tentei os 10 km, em menos de 1h e consegui, já não é mau.

A questão é que percebi agora, ao tentar correr mais depressa, que assim me custa muito mais, e isso de alguma forma cria-me mais resistências. O prazer que sinto no final, quando consigo, é fenomenal, mas cada km que corro, custa-me.

Por isso, se eu inscrever-me, tenho que começar a treinar a sério. Esforçar-me mais, pelo menos ao fim de semana.

O que eu sinto é o seguinte:

  1. Se eu me inscrever, vou esforçar-me, vou treinar afincadamente para conseguir. Mas vai custar-me, certamente, e de momento a preguiça está a ganhar;
  2. Se eu não me inscrever, vou começar a desleixar-me mais nos treinos, e a correr cada vez menos em cada semana, porque a preguiça de momento está a ganhar.

Posto isto, acho uma estupidez eu não inscrever-me. Até porque devo mas é levar isto na desportiva, e se chegar já no "fim da festa", olha paciência. Pelo menos sei que fui lá e tentei.

[Nota de autor: este post foi um pequeno exercício, para me ajudar a pôr as ideias no lugar]

 

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Usar os outros como espelho

por Cá coisas minhas, em 23.06.17

Há uns anos atrás, logo do início do nosso namoro, o meu marido apresentou-me os queques da Ericeira.

Compramos e fomos para o carro para os comer a ver o pôr-do-sol, tal casal jovem e apaixonado.

Quando entramos no carro, no carro ao lado, estava um casal a fazer exactamente o mesmo. Mas com uma diferença. Com um elevado excesso de peso.

Não. Nem penses que vamos fazer o mesmo”. Saímos dali, já não me lembro para onde. Mas sei que os queques não me souberam assim tão bem, porque a culpa veio ao de cima.

Várias vezes nos lembramos disto e nos rimos com a situação. Mas no fundo no fundo, isto até nem tem graça nenhuma.

Aqui há dias, entrei num café de praia e vi uns croissants de chocolate enormes. Com um aspecto irresistível. Várias pessoas a comprar.

Consegui resistir à tentação de não comprar.

Sento-me na esplanada. Na mesa ao lado, adivinhem lá?

Um casal com MUITO excesso de peso, mas mesmo mesmo MUITO, a comer o belo do croissant.

E eu só pensei: “ainda bem que eu não o pedi, porque certamente não me iria saber bem”.

Não vou aqui fazer juízos de valor sobre o comportamento destas pessoas. Até porque já falei sobre este assunto aqui .

Agora o que eu sei é que eu, apesar de estar entre os níveis normais de massa gorda, tenho peso a mais, e tenho gordura acumulada em vários sítios do meu corpo, e por isso todos os dias tenho que gerir esta vontade de comer “guloseimas” versus “sei bem que isto me faz mal, por isso é melhor não”. Às vezes ganha a gulosice. Outras vezes, a razão. Não tenho a menor dúvida de que se a gulosice ganhasse sempre, eu estaria igualmente com MUITO excesso de peso.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

No mundo (visualizações ontem)

por Cá coisas minhas, em 23.06.17
  1. Portugal - 297
  2. Reino Unido - 5
  3. Espanha - 3
  4. Polónia - 3
  5. França - 2
  6. Angola - 1
  7. Australia - 1
  8. Bulgaria - 1
  9. Estados Unidos - 1
  10. Luxemburgo - 1

 

Ontem, este blog viajou muito

Autoria e outros dados (tags, etc)

"Mói-me" o corpo, mas não a alma

por Cá coisas minhas, em 22.06.17

O despertador toca as 05h00 e eu suspendo 10 minutos.

Estava a dormir tão bem. Não quero acordar.

Volta a tocar, e eu volto a suspender. Começo na luta mental. Hoje não vou. Quero continuar a dormir. "Mas depois ficas todo o dia mal humorada, com a sensação de fracasso", digo para mi própria. "Ai, que se lixe. Não vou."

Levanto-me as 05h13.

Lentamente, visto-me. Vou ao frigorífico. Como um ovo cozido. Bebo água.

As 05h24 saio de casa. Neblina. Fresquinho.

"Pronto já cá estou. Vamos lá."

Cada metro que corro custa-me. Dói-me as pernas.

"Vou fazer uma volta curta. Hoje são só 5 km, não estou para mais."

Subida. Pernas a doer.

Chego ao sítio onde devia virar para correr só os 5 km.

Vejo uns coelhinhos pequeninos a saltitar à beira da estrada. “Olha que engraçado

Vá, mais um pouco. 7 km, vá.”

E continuo. “Não. Chego ali aquela paragem e volto para trás. Uns 6 km, chega por hoje”.

Chego lá e nem reparo. Continuo.

Só começo a voltar para trás depois de 3,5 km. “Já estáAgora é tudo para trás”.

O ritmo não muito rápido. Mas já era plano o resto do percurso.

Quando chegar ali ao fundo, ando um bocadinho.”

Encontro as senhoras que diariamente fazem os seus 3 km em caminhada. “Não vais passar por elas a andar, mulher”.

Claro que não. Mantenho a corrida. Quando saí do ângulo de visão delas, já faltava pouco para acabar. “Também não é agora no fim que vais dar parte de fraca”.

Continuo.

Quando começo a chegar ao fim, é que vem o ânimo. A alegria. A satisfação de cumprimento.

Foi isto hoje:

Distância: 7,8 km | Tempo: 48:31 | Ritmo: 6:107km

Todos os dias me custa. Sair da cama. As pernas cansadas. O calor que mesmo aquela hora já se faz sentir.

Quando acabo. Quando paro a contagem da corrida, e vejo os km que corri e o tempo em que o fiz, fico sempre satisfeita. Mais leve.

Alongo. E vou para casa. Tomo banho e penso “Ainda bem que me venci a vontade de ficar na cama

[E depois começa outro tipo de correria. Vestir. Acordar a miúda. Preparar pequeno almoço. Insistir com a miúda. Vestir a miúda. Dizer quinhentas mil vezes M. despacha-te. E sair da casa às 07h30 já com vontade de tomar outro banho]



Autoria e outros dados (tags, etc)

José Cid | Favas com chouriço

por Cá coisas minhas, em 21.06.17

Descobri esta música ontem.

 

Eh pá, muito bom. 

Completamente diferente de tudo, e ao mesmo tempo tão genial.

Realmente, há quem consiga fazer "magia" com as palavras e com música.

Autoria e outros dados (tags, etc)

A aldeia onde eu vivo #11

por Cá coisas minhas, em 20.06.17

A pessoa vai viver para a aldeia e pensa: “olha boa, está calor e aqui posso dormir com a janela aberta, já não há barulho e confusão de carros”.

Pois, mas não.

Quando estava quase quase a adormecer, eis que sou interrompida pelo voz de um dos vizinhos a falar com um gato [Aparentemente o senhor não conseguia dormir com o calor e vai daí vai para o quintal falar com animais. Tudo normal]

Das duas uma, calou-se ou eu consegui adormecer.

Mas depois, começa [ainda não percebi bem como] uma tempestade daquelas valentes. Vento a soprar para todo o lado. Chuva a cair.

Ok. Lá adormeço outra vez.

Adivinhem?

Acordo outra vez.

Desta vez era o camião de recolha de lixo.

E quando este se vai embora, uma barulheira por causa do vento.

Desisto. Passado duas horas de me deitar, levanto-me e fecho a janela.

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Consegui

por Cá coisas minhas, em 16.06.17

Já está. Consegui. Objectivo: correr 10 km em menos de uma hora. Estado: concluído. Eh pá, estou mesmo satisfeita comigo. Já andava a tentar à algum tempo. Foi hoje, logo pela fresquinha. Distância: 10,1 km / Tempo: 57:49 / Ritmo: 5:45/km Fiquei parva com estes valores. Ainda nem sei bem como fiz isto. Estava fresquinho. Vesti roupa leve. Fui sempre a correr, sem andar. Mantive o ritmo. Aguentei-me. Sempre tranquila e atenta á minha respiração. Fiquei super motivada para mais e melhor.

Autoria e outros dados (tags, etc)

Então Cá Coisas minhas, não tens corrido?

por Cá coisas minhas, em 14.06.17

Apesar de não andar a relatar os meus treinos, os mesmos têm acontecido.

Andei a ver se conseguia melhorar a minha velocidade, e até estou a conseguir.

 

Hoje foi isto:

 

Distância: 9,7km | Duração: 1:03:33 | Ritmo: 6:33/km | Elevação: 70m

 

Chego ao fim mais cansada. E tenho sentido necessidade de alternar corrida com caminhada rápida. Mas hoje, mal foi preciso. [Apesar de ter momentos em que senti que estava a correr mais devagar]

Sinto-me uma privilegiada por poder correr com as paisagens por onde passo.

IMG_20170518_061315-COLLAGE.jpg

Apesar da preguiça que sinto em levantar-me, quando começo a correr sinto-me bem. Arejo a cabeça. Foco-me em mim.  

E está decidido. Este ano ainda corro uma meia maratona. Seja em que condições for e no tempo que tiver que ser. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Coisas da miúda #48

por Cá coisas minhas, em 13.06.17

Depois disto e disto, eis que surge a pergunta da ligação:

Então se primeiro eu estava nas estrelinhas e depois fui para dentro da tua barriga, como é que eu fui parar lá dentro?

Bom. Estavamos a passear na Ericeira, numa rua cheia de gente quando ela se lembrou de tal questão.

A minha resposta foi: “Conversamos sobre isso em casa, está bem”. Felizmente ela concordou e não se lembrou mais do assunto.

[Tenho tempo de preparar a resposta.]

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

Tags:

Pág. 1/2



Mais sobre mim

foto do autor


Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Links

  •  

  • Blogs de Portugal