Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]




Tem estado muito trânsito.

Toda a gente que anda de carro todos os dias, com certeza já se apercebeu disso.

Ah e tal, é sempre assim, quando começam as aulas. Sim, Mas não. Este ano, está muito mais do que o costume. É surreal.

Já tentei sair de casa mais cedo. Não tive sorte em nenhuma delas.

Até cheguei foi mais tarde. Muito trânsito (já disse?). Acidentes. Carros avariados. (No outro dia, contei 8 situações de carros avariados e/ou acidentados). Ou simplesmente, muitos carros a andar, o que faz com que se ande mais devagar.

Ontem, no trânsito, reflecti sobre esta temática. E cheguei à seguinte conclusão: Pois claro, isto está pior, não é só impressão minha. É porque a crise acabou (dizem os entendidos). E agora há mais gente que largou os transportes públicos, e vai de ir de carro para todo o lado.

E isto anda a irritar-me assim um bocado. É muita chatice logo para começar o dia.

Também é verdade, que a rede de transportes públicos, é o que é. Eu, em trabalhando no centro de Lisboa, não vinha de carro de certeza. Mas para apanhar 3 transportes, e demorar umas 3h a chegar ao trabalho, não é opção. Em minha defesa, alego ainda, que nós vimos os três e voltamos os três, pelo que no nosso caso, sai mais barato o carro do que os transportes.

Bom, mas hoje então, foi pior. E porquê? Porque “fui contra” uma mota. De repente, só vejo uma mota a atravessar-se à minha frente e eu a travar com toda a força.

Um treta. Apanhei um camadão de nervos. Sorte a minha, que a miúda já estava entregue na escola.

Não houve chatices maiores. Entendemo-nos calmamente e ninguém se magoou a sério.

Mas é chato. Estou farta destas confusões. É muito carro, senhores (e motas ).

Como é que resolvemos isto?

 

Autoria e outros dados (tags, etc)


4 comentários

Imagem de perfil

De Maribel Maia a 04.10.2017 às 11:06

É muito carro, muita mota e muita bicicleta!!!!
Acho que temos de resolver com muita calma e respeito pelas pessoas na estrada, o que considero estar a faltar, um pouco...
Imagem de perfil

De Gorduchita a 04.10.2017 às 11:19

Estou contigo! Há mesmo muitos carros! Este ano acho que há anormalmente muitos carros.
Desde a semana passada que apanho transito, diariamente, em sítios onde raramente apanhava. Já me questionei se andaram a oferecer carros e ninguém me disse nada...
Um exagero!
Acho mesmo que é do que dizes: as pessoas sentem que acabou a crise (eu pessoalmente, nunca senti que tinha tão pouco rendimento disponível como agora mas pronto, isso sou eu) e toca de tirar os carros da garagem...
Sem imagem de perfil

De Estou bem onde não estou a 04.10.2017 às 16:47

É complicado. A mim o trânsito tira-me do sério. Infelizmente onde estou agora tenho feito as viagens sempre de comboio (que eu odeio andar de transportes porque como dizes demoro uma eternidade), mas no país onde estava antes sempre andei de carro e às vezes para fazer 10 km eram 3 horas... É frustrante. O melhor país de todos onde raramente me stressava no trânsito era mesmo em Portugal. O resto, tem sido tudo muito pior
Imagem de perfil

De David Marinho a 05.10.2017 às 09:38

1. Sair mesmo muito mais cedo de casa;
2. Levar carro até ao metro e apanhar metro até ao trabalho;
3. Paciência às paletes.

Comentar post



Mais sobre mim

foto do autor



Mensagens

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D

Links

  •  

  • Blogs de Portugal