Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cá coisas minhas

Este é o meu blog. Onde falo sobre múltiplas coisas. As coisas que me vêm a cabeça.

Abrandar

10.10.18 | Ana

 

Palavra de ordem desde 6ª feira passada.

No fim de semana, foi fácil.

Durante a semana, é um bocadinho mais difícil, mas estou a fazer um esforço para cumprir.

 

A ideia é: conseguir fazer tudo o que preciso, mas sem ser naquela agitação permanente que me é característica.

Percebi, claramente, que esse meu estado de nervos constante, não é bom nem para mim, nem para quem me rodeia.

Não é fácil.

Porque eu sou acelerada já por natureza.

 Resultado de imagem para parar a ansiedade

 

Estou a meio da semana, e o balanço para já é positivo.

 

Deixem lá ver como corre esta semana, e depois faço-vos um apanhado.

 

 

 

Sobre o fim de semana que já foi

08.10.18 | Ana

Finalmente o descanso.

Foi o que aconteceu este fim de semana.

Não é que tenham sido propriamente três dias de papo para o ar.

Mas a certeza de que as incertezas estavam resolvidas, permitiram-me finalmente desligar.

 

Os meus níveis de irritação estavam no máximo.

Tenho feito um esforço para parar.

Aliás, até para parar antes de falar.

 

Um jantar de amigas.

Horas de leitura.

"Destralhanço" de roupa.

Limpeza de algumas divisões que já estavam a acumular muita tralha.

Idas ao supermercado em família.

Esplanada na praia.

Jantar com amigos.

E ainda uma ida á FIL.

 

Não consegui deixar a semana toda organizada.

No entanto, se isso me deixa a semana mais descansada, também é certo que às vezes parece que passo o fim de semana a preparar a semana.

 

Hoje, sinto uma falta de energia, ou sono, ou então estou só a ficar doente.

Não sei.

Mas também sei que: não tenho corrido, nem caminhado, nem treinado e a alimentação também ando muito a desejar.

Tenho que corrigir isto.

Pergunta-me...

08.10.18 | Ana

... Que eu respondo.

 

Inauguro aqui uma rúbrica nova no blogue.

Assim uma espécie de "post em fórum".

 

Vocês perguntam o que vos apetecer nos comentários.

E eu respondo igualmente nos comentários.

O que acham?

Confuso?

Vamos experimentar.

 

Ora, digam-me lá: o que querem saber?

Curtas

05.10.18 | Ana

Armário cápsula.

Já ouviram falar?

Eu depois explico-vos melhor.

Andei hoje a destralhar o meu roupeiro.

Mandei fora o que está velho.

Fiquei só com o que gosto.

Mas cheguei á conclusão que não tenho roupa a mais. Tenho a menos.

Devo ser a unica pessoa que decide fazer um roupeiro minimalista e em vez de ter peças a mais tem a menos.

Há 2 anos na aldeia.

03.10.18 | Ana

Sim.

É chato fazer todos os dias 80 km (40 + 40).

Sim.

É chato o trânsito que apanho todos os dias.

Sim.

É chato se tiver que ir buscar a miúda à escola e voltar novamente para o trabalho (aí serão mais 80).

Sim.

É chato o dinheiro que gasto em combustível e em portagens.

Sim.

É chato o tempo que perco no carro.

 

Mas.

Vale ouro.

O silêncio pela manhã.

O "cheiro" do frio.

O sossego das ruas.

As paisagens no percurso.

O ar que se respira.

O poder correr livremente pelas estradas.

Os cumprimentos, até de gente que não conhecemos.

O café de manhã no café da aldeia.

A praia ali tão perto.

A serra ali tão perto.

O pão com chouriço.

As filhoses da feira.

Ser "turista" quando nos apetece.

Ser "saloia".

Passear no campo.

Ver o mar.

 

Há 2 anos a viver no campo.

E o balanço é cada vez mais positivo.

O que eu gosto disto.

Irritações

03.10.18 | Ana

Não sei se é da dor de cabeça que cá está hoje.

Não sei se é do sono.

Não sei se é falta de pachorra geral.

Mas hoje estou com o nível máximo de intolerância para coisinhas parvas das quais ESTOU FARTA.

 

A saber:

  • Pessoas que quando a porta do elevador se abre, querem logo meter-se lá dentro sem deixar as pessoas que lá estão dentro sairem. 
  • Ir ao WC e não haver papel higiénico. 
  • Encontrar o WC sujo. 
  • Deixarem-me pendurada no telefone, quando eu julgo que passaram a chamada conforme eu pedi. 

Este Setembro...

02.10.18 | Ana

Já estamos em Outubro.

E o Setembro foi de tal forma rápido e atrofiante que nem parece que passei por ele.

 

Os motivos.

A miúda iniciou este ano a primária.

Em Junho, quando soubemos a escola em que ficou colocada, reclamámos.

Não ficou na escola mais próximo de casa. Ela só faz os 6 anos em Dezembro, pelo que não é uma "candidata prioritária".

Fomos conhecer a escola e gostámos.

Um senão: não tinha ATL. No entanto, soubemos que iria abrir no próximo ano letivo. Em outubro.

Não abriu.

Ainda não abriu.

Foram 15 dias a correr para o trabalho.

A correr para a escola para a ir buscar.

Acabamos o mês de Setembro a solicitar mudança de escola.

 

No meio disto tudo, a minha maior preocupação era a adaptação dela.

Foi excelente.

Lidou com tudo com entusiamo.

Aceitou estes "percalços" com naturalidade.

Está satisfeitíssima com este seu novo estatuto: "aluna do 1º ano".

 

Quanto a mim, espero que comece agora tudo a andar de forma mais normal.

Começou na 6ª feira, na segunda escola.

Na 2ª feira, a Professora fez greve.

Vamos ver o que se segue.

Vamos indo

02.10.18 | Ana

Este blog tem estado "ás moscas".

Por tantos motivos.

Porque a vida tem sido passada a correr.

E a vontade de partilhar não tem surgido.

A vontade de escrever tem andado ausente.

 

No entanto, não está fechado.

Nada disso.

Estou por cá, e trago-vos ainda hoje novidades.

Mais logo... novo post.

 

Pág. 2/2