Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cá coisas minhas

Este é o meu blog. Onde falo sobre múltiplas coisas. As coisas que me vêem a cabeça.

Inicio de semana

15.01.19 | Ana

A segunda-feira não foi fácil.

Dormi mal, logo passei o dia todo com a sensação que nem tinha ido à cama.

Instalou-se em mim uma onda de pessimismo que me abalou o dia todo.

Ainda fui à natação com a miúda.

Parecia que o dia nunca mais acabava.

Mas acabou.

E passava pouco das 22h já ía eu a caminho da cama.

 

Terça-feira. Hoje.

Dormi bem melhor.

Aquilo que ontem me atormentava, hoje já parecem coisas sem importância.

Nada como uma noite bem dormida, para reequilibrar tudo.

 

Boa semana!

 

Celebremos o Sol

11.01.19 | Ana

Está frio, é um facto. Todos sabemos e todos falamos (queixamos) disso.

Não chove, e o país está outra vez em seca. Mais do mesmo. Mas é mau, todos sabemos.

 

Mas estes dias de início do ano que começaram com este sol magnífico, também merecem ser celebrados.

Com passeios ao fim de semana.

Com esplanadas nas horas quentes.

Com “escapadinhas” do escritório há hora de almoço.

 

As vantagens da vitamina D vindas diretamente do Sol, são mais que muitas.

 

Ora vejamos.

  • regula o metabolismo ósseo, sendo essencial para o desenvolvimento saudável e para a manutenção dos ossos e dentes;
  • desempenha um papel importante ao nível muscular, ao nível do sistema imunológico e ao nível do sistema nervoso, uma vez que previne o declínio cognitivo;
  • desempenha um papel protetor, uma vez que parece reduzir o risco de enfarte, de doença coronária e de insuficiência cardíaca;
  • revela um efeito preventivo da obesidade e da diabetes mellitus, pois tem a capacidade de melhorar a sensibilidade à insulina;
  • durante a gravidez, a Vitamina D diminui o risco de eclampsia.

 

É óbvio que podemos encontrar esta vitamina em outras fontes, mas cerca de 80% advém da exposição solar.

 

Leiam mais sobre isto aqui.

6 anos

10.01.19 | Ana

A miúda fez 6 anos no final de dezembro.

Já tens 6 anos.

6 anos de “pessoa”.

E é isso mesmo que já és. Uma “pessoa”, cheia de vontades, opiniões, personalidade.

És meiga. Tranquila. Amiga. Doce.

Desafiadora. Respondona. Do contra.

Bates o pé. Esperneias as pernas. Tentas sempre “levar a tua avante”.

Quanto te acalmas, consegues ouvir e prometer que da próxima será diferente.

Insegura das tuas capacidades. E tu já és capaz de tanto. “És capaz de tudo”, dizemos todos os dias.

Conversas muito. Contas-me o teu dia. Dás-nos a tua opinião sobre os assuntos que ouves.

Ouves “muitas conversas”, como tu própria dizes.

Gostas de passear. Adoras um shopping. Adoras compras. Adoras prendas.

Gostas de ir ao cinema e comer pipocas.

Adoras espetáculos.

Gostas de dançar.

Adoras os teus avós. Sabes levar cada um deles para o caminho que tu queres fazer. És meiga com eles.

Gostas de meninos mais pequeninos. Mas custa-te dividir protagonismo.

Tens ciúme da mãe, quando está com outras crianças. Tens ciúme do pai quando está com outras crianças. Somos TEUS. E nunca nada vai mudar isso.

Amo-te desde o primeiro segundo em que te vi. E quanto mais cresces, mais cresce o meu amor por ti.

Parvoíces que só a mim

07.01.19 | Ana

Já cá estamos outra vez.

Segunda-feira.

Das mais difíceis que tenho na memória.

Muito complicado sair da cama com este frio.

Mas cá estou, pronta (ou não) para uma semana que promete ser “dura”.

Como passaram o fim de semana?

Eu, com um galo na cabeça. E ainda cá está.

Na 6ª feira, ao final do dia, ao fechar a porta da mala do carro aconteceu-me uma coisa muito estúpida.

Passo a contar.

O carro estava muito junto a parede.

Aqui a esperta, para abrir a mala, desviou-se para o lado.

Mas para fechar não.

Sim, isso mesmo.

Fechei a mala e levei com a porta da mala do carro com toda a força na cabeça.

A dor?

É HORRÍVEL.

Muito aguda. Pensei em tudo. Inclusive que ia acabar a semana nas urgências.

Mas não, cá estou.

E “aparentemente” mais calma. Se calhar, foi da pancada.

Bom Fim de Semana

04.01.19 | Ana

Então o fim de semana já está aí a portinha.

Nem parece.

Tive sorte de ter uma semana curta, pois só recomecei a trabalhar ontem.

Estive de férias.

Para a semana é que começa a doer outra vez.

Vamos lá ver se dá para aproveitar o fim de semana. Vou tentar, mas ultimamente só me apetece estar deitada no sofá a olhar para a tv.

Vamos lá ver se consigo fazer algumas atividades com a miúda, que já começa a reclamar da minha “falta”.

A próxima semana vai ser dura e eu preciso de carregar bem a bateria.

Bom fim de semana para vocês.

Dúvidas que me assolam

04.01.19 | Ana

Vocês já repararam na quantidade de canais de youtube, blogs, páginas de facebook, instagram, etc… que existem sobre organização doméstica?

É como fazer ementas semanais.

É como limpar a casa em 30 minutos.

É como decorar a mesa para o Natal, para o fim de ano, para a Páscoa e para tudo o que é tema.

É vídeos sobre pequenos-almoços.

Eu confesso, vejo alguns dos vídeos.

Leio alguns dos posts.

Sempre com uma secreta esperança de ficar assim tão organizada.

Mas não consigo.

E a minha pergunta é: Serão elas mesmo assim tão organizadas, ou só fazem aquilo para o post ou para o vídeo?

Janeiro

03.01.19 | Ana

Ai janeiro, janeiro.

Já chegaste.

Desculpa lá, mas não gosto muito de ti.

Aliás, detesto.

É chato.

É longo.

A pessoa vem de um dezembro levezinho e depois leva com um mês comprido como o raio.

E chegou o frio hã.

Com toda a pompa e circunstância.

Hoje já tive dificuldade em abrir as portas do carro. Devem ter congelado durante a noite. E o vidro cheio de gelo.

Amanhã é melhor sair já com uma garrafa de água na mão, pois o janeiro, para além de comprido é frio.

Bom ano para todos

03.01.19 | Ana

Sim, é verdade.

Este blog foi deixado ao abandono nos últimos meses de 2018.

Andei “absorvida” com coisas minhas e sem grande vontade de comunicar.

Não, não vou fechar o blog.

Este espaço é um sítio onde comunico de forma diferente, quando me apetece ou quando tenho algo para partilhar.

Por isso, em 2019 continuamos.

O balanço de 2018 foi positivo.

Foi muito bom em termos profissionais, permitindo-me alcançar algo que há muito (mas mesmo muito) desejava. Gosto do que faço e gosto de estar onde estou. Que seja uma relação em continuo crescimento, é o que eu desejo. E sei que esse crescimento vai continuar a acontecer, pois felizmente tenho a sorte de trabalhar em algo, onde estão sempre a aparecer coisas novas, e onde existe a possibilidade de eu dar as minhas ideias e ver as mesmas acontecerem.

Em termos pessoais também foi muito bom. Consegui alcançar os meus objetivos a nível de corrida, fazendo uma prova (meia maratona de São João das Lampas) muito difícil, mas que me permitiu mais uma vez verificar que sou capaz de tudo o que eu quiser fazer. A minha filha entrou na primária. E mesmo com algumas atribulações (ter entrado numa escola, e ao fim de duas semanas, estar a mudar para outra), mostrou-me mais uma vez que tem uma capacidade de adaptação extraordinária e todos os dias me brinda com um sorriso magnifico de alguém que adora estar onde está. Nos últimos dias de 2018 surgiu mais um elemento na família: um cão, de seu nome Dali. Assim, somos 3 pessoas, 2 gatos e 2 cães. Eu, que sempre disse que não gostava de animais.

Não fiz tudo o que queria fazer. Não concretizei todos os meus objetivos. Mas foi um bom ano.

Se 2019 for tão bom como 2018, já é bom. Para 2019 não defini objetivos. Mas sei bem o que quero para este ano. Espero ter a força e as circunstâncias para o alcançar. De uma coisa não tenho dúvidas: será um ano diferente.

Um bom ano para todos, é o que vos desejo.

E muito obrigado por continuarem a visitar este espaço, mesmo sem novidades a saírem.