Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Cá coisas minhas

Este é o meu blog. Onde falo sobre múltiplas coisas. As coisas que me vêm a cabeça.

Desabafos confinados...

22.02.21 | Ana

Ah....

Que isto está a custar tanto.

Preciso de sair para jantar com as minhas amigas.

Preciso que as minhas filhas brinquem com os primos.

Preciso de ver o pôr do sol na praia.

Preciso de sair para almoçar fora.

Preciso que as minhas filhas vão para a escola.

Preciso de fazer uma massagem longa.

Preciso de férias fora de casa.

Preciso de trabalhar no trabalho.

Preciso de estar sozinha a hora de almoço.

Preciso que as minhas filhas estejam com os avós.

Preciso de almoços longos com amigos.

Preciso de ir a um shopping ver montras.

Preciso de ir ao cinema e comer um balde enorme de pipocas.

 

[Eu bem sei que isto é o que é. Que temos de nos conformar. Que é só um esforço e logo vai passar. Que temos que olhar para o que temos e ver o bom. Blá, blá, blá.]

 

Hoje foi um dia bom

02.02.21 | Ana

Publiquei no Instagram. 

2021. Dia 2 de Fevereiro.
Hoje foi um dia bom.
Sinto que o dia não passou por mim, mas sim eu pelo dia.
As miúdas entreteram-se mais tempo sozinhas. As atividades que propus foram bem aceites por ambas. Consegui trabalhar e ter ideias. Caminhámos na rua, ainda que apenas os poucos metros que as pernas da Marta permitiram.
Hoje não me irritei nem me angustiei com a falta de sossego.
Hoje foi um dia bom.
Venham mais assim.

 

Têm sido dias estranhos. Sinto os nervos à flor da pele, zangada por estar novamente fechada só com as miúdas. A Marta está numa fase que precisa de atenção constante. Anda apenas de mão dada, mas não para um bocado. A Maria se eu não lhe disser nada, passa o dia a jogar. Às vezes só me dá vontade por cada uma num ecrã e pronto, ir à minha vida, trabalhar. E às vezes tem mesmo que ser. Mas a culpa, a revolta comigo mesma é com tudo em geral, é lixada. 

Mas hoje foi um dia bom. 

Amanhã logo se vê.