Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cá coisas minhas

Este é o meu blog. Onde falo sobre múltiplas coisas. As coisas que me vêm a cabeça.

As minhas miúdas

08.10.21 | Ana

IMG_20210925_164823.jpg

Eu nem vos consigo descrever o quanto eu sou feliz por ter estas duas na minha vida.

São tão diferentes uma da outra.

E a experiência de maternidade com ambas é completamente diferente.

A Maria foi a minha primeira filha. Numa fase da minha vida muito instável e onde passámos algumas dificuldades. Mas ela foi sempre a minha salvação. Aquilo que me trazia à tona. Com inexperiência minha, fui aprendendo a lidar com ela. Sempre muito sensível, faladora, com muitas questões sobre tudo, e um carinho enorme pelas pessoas que a rodeiam. É a minha mais velha. O meu primeiro amor pequenino, que agora é grande, enorme.

A Marta chegou há pouco. Mas o tempo tem passado a correr. Mas eu não tenho pressa nenhuma que ela cresça. É independente, traquina, meiga, faladora. Eu sou mais calma e vivo a maternidade com outra leveza.

As duas juntas são o Apocalipse e o fogo de artifício. Ou estão aos gritos uma com a outra a disputar algo ou atenção, ou a rirem às gargalhadas fazendo "tolices" uma à outra, ou agarradas num carinho genuíno, ou ainda simplesmente a brincar.

Amo-as com todo o meu ser e sou uma pessoa melhor a cada dia que passa, apenas por elas existirem na minha vida.

5 comentários

Comentar post