Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Cá coisas minhas

Este é o meu blog. Um blog generalista, onde falo sobre as minhas coisas. As coisas que me vêm à cabeça.

Cá coisas minhas

Este é o meu blog. Um blog generalista, onde falo sobre as minhas coisas. As coisas que me vêm à cabeça.

14
Dez20

Dezembro, dia 14. Embrulhei os presentes

Hoje estive em teletrabalho.

Sem o stress do trânsito para o trabalho.

Durante a hora de almoço, embrulhei os presentes.

Tudo pensado com papel de embrulho diferente para os presentes de aniversário da Maria, para ela não começar com as suas suspeitas. No final, arrumei tudo, para ela não ver nada quando chegasse a casa.

Mas...

Guardei o rolo das etiquetas. Deixei a caixinha à vista. "Mãe, o que é isto?" Disse ela quando chegou. "Ah, é lixo que encontrei para aí". 

Quando fui guardar a tesoura ao quarto dela, levei comigo o rolo de fita dos lacinhos e, por lapso, deixei em cima da secretária dela. "Mãe, o que é isto?" (What???) "Ah, é uma fitinha que a mãe comprou para fazer uns lacinhos para aqueles frascos". 

Pouca coisa lhe escapa de facto. E eu? Burra. Como me fui esquecer destas coisinhas.

Enfim. Já vai fazer 8 anos. No fundo no fundo, ela já sabe que o Pai Natal não existe, mas ela quer continuar a acreditar, e por mim, é continuar. Eu nunca acreditei. Mas acho que este imaginário só lhe faz bem.

E vocês, vão mantendo a magia? Como gerem as desconfianças que vão surgindo?

4 comentários

Comentar post